Eficiência e eficácia significam a mesma coisa?

1154

A matéria de hoje nem de longe pode parecer com uma aula de língua portuguesa, apesar de tratar de dois termos nela existentes que, embora pareçam ter o mesmo significado, distam em muito um do outro.

Enquanto eficiência é fazer certo as coisas, eficácia é fazer as coisas certas. Notou a sutileza? Já se questionou se sua empresa é eficiente ou eficaz? Ou ainda, se você sendo eficiente ou eficaz dentro da empresa? Para responder isso vamos fazer algumas reflexões sobre o assunto.

Muitas vezes, as pessoas se preocupam em fazer certo as coisas que lhe são delegadas, justamente para mostrarem-se eficientes, mas será que se preocupam em fazer certo as coisas certas naquele momento?

Pois é. As empresas têm que ter um olhar mais cauteloso quanto ao assunto pois deve-se trazer para dentro delas as metodologias mais atualizadas, as tecnologias que tornem o contato com os clientes mais eficientes e eficazes, ver novos critérios de atendimento, vendas e pós-vendas capazes de atrair novos clientes e manter os clientes atuais. Isso é eficiência e eficácia trabalhando juntas, para um bem maior.

Quando se trabalha sozinho, eficiência e eficácia acabam se sobrepondo uma à outra, enquanto em uma empresa onde há a necessidade de divisão de tarefas, as distinções começam a aparecer claramente. São independentes e interdependentes ao mesmo tempo. Vamos exemplificar. Imagine o seguinte cenário:

Um condomínio residencial onde moram centenas de famílias há um sério problema a ser resolvido: falta de água. Qual seria uma solução eficiente para resolver essa problema? Furar um poço. Mas, e uma solução eficaz, qual seria? Achar água.

Nem sempre que se fura um poço acha-se água e um poço sem água é absolutamente inútil. Por isso, antes de começar a obra, estudos prévios devem ser feitos corretamente para que sinalizem onde será o melhor lugar para que o resultado seja atingido e a solução seja encontrada, ou seja, haver água suficiente para abastecer todo o condomínio.

Não basta tomar uma atitude. Ele tem que ser tomada da maneira correta.

Muitas pessoas para não serem tidas como “sem iniciativas” tomam atitudes totalmente inúteis que as vezes geraram um custo e esforços totalmente desnecessário.

Faça uma análise fria das atitudes que vêm sendo tomadas dentro da sua empresa, para que se possa medir a real eficácia delas, pois só a eficiência não basta!!

Últimos modificados: 9 de dezembro de 2016

9e8e408b44a353564244706676a61067-us13

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *